sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Arrisca!

Arrisca!! Não tenhas medo! Respira e acredita que um dia conseguirás ser como a super mulher. Acredita que um dia poderás levantar voo e partir para outro mundo para um local calmo e sereno onde te possas reencontrar. Acredita na tua felicidade,  acredita que um dia serás feita de ferro indestrutível, ferro que jamais alguma coisa poderá vencer. Acredita que um dia poderás ser imune à dor e ao sofrimento, e acredita que um dia poderás respirar o ar puro, o ar fruto do recomeço, fruto do reiniciar de uma vida. Não tenhas vergonha de dizer que retrocedes-te dois ou três passos para avançar quatro, não escondas a tua identidade só porque vacilas-te num momento de indecisão. Mostra ao mundo quem realmente és, sem vergonha e sem receio das acusações que poderás receber. Não encares esta mudança como um desistir, como um abandonar de um sonho mas sim como uma forma de mostrares resistência, de mostrares que és forte e que consegues perfeitamente sair vencedora desta batalha. Não penses no que correu menos bem, no que sofres-te ou no que nunca mereceu valor nem importância, lembra-te sim de tudo o que de bom já podes escrever na tua história e imagina na imensidão que podes conseguir atingir se terminares essa etapa da tua vida. Sabes que és capaz, sabes que consegues dominar o mundo e mostrares o teu verdadeiro carácter, sabes que consegues ser impressionante, e consegues ser alvo de admiração e de adoração. Une as forças que sabes que tens e não fiques de braços cruzados enquanto à tua volta o teu mundo está prestes a desmoronar. Limpa as lágrimas que ainda te caem pelo rosto, e dá de novo um brilho ao teu olhar. Não olhes mais para as cicatrizes criadas, e esquece que algum dia foste iludida ou induzida em erro. Vê o lado positivo e tira o melhor proveito das coisas. Repara no quanto cresces-te com tudo e no quão fortaleces-te mesmo que até nem repares nisso! Não desistas agora! Arrisca, e dá um salto bem grande por cima dessa pedra que já não tem mais por onde crescer. Se mesmo assim ainda custar, lembra-te que no fim de tudo irás sorrir porque isto é mesmo o melhor para ti. Sai daí! Atravesse a estrada e vem de novo para este lado onde todos te esperam, para onde todos sabemos que vais voltar. Não percas mais tempo e anda, porque aqui é mesmo o teu lugar, só aqui consegues ser tu mesma, só aqui consegues ser totalmente feliz. Força! Acredita em ti e vem de novo para o mundo ao qual ainda pertences e do qual apenas por um período de tempo saíste. Não olhes para a altura e salta! Salta porque sabes que aqui tens pessoas que te amam, e que já não conseguem mais ver-te a afundar! A tempestade acabou, e o barco ainda tem hipóteses de ser salvo, muda a direcção e faz com que a história termine de uma forma feliz, da única forma que nos fará fechar não um capitulo mas um livro completo, com um sorriso!

Sem comentários: