sábado, 24 de setembro de 2011

7 ♥

“Não partas que sou de vidro!”, apetecia-me dizer-te quando estava prestes a arriscar a minha vida em tuas mãos. Mas não disse! Não disse, não por ter medo, não por ter receio da tua resposta; mas sim porque algo no meu interior (raramente falível) me dizia que era certo, me dizia que era correcto e a melhor opção a tomar. Fiquei contigo! Optei por ti, e optei bem! E quando digo optar, não digo escolher-te a ti em relação a outra pessoa. Porque a verdade, é que desde que te conheci; desde o primeiro instante em que “pousas-te” sobre a minha vida, eu te vi como minha exclusiva e única prioridade. Digo optar por ti em relação à vida. Optar por ti em relação ao mundo, aquilo que estranhamente sei que existe para além de nós. Estranhamente porque custa acreditar que mais algo existe transcendente ao que é nosso. Mas essa realidade, esse concreto reflexo do banal eu não preciso. Deste-me bem mais do que isso. Deste-me bem mais do que provavelmente eu merecia. E sabes o que é ainda mais magnífico? É que eu sempre fui transparente contigo; sempre te revelei os meus medos, as minhas fragilidades; as minhas inseguranças. Mas tu sempre soubeste o que fazer, quando fazer e como fazer. Das minhas hesitações fizeste certezas, dos meus defeitos qualidades e das minhas explosões momentos calmos em que acabava a rir de mim mesma. E, como tu e todos os outros vêm, muito acrescentaste à minha vida. Redefiniste-la à tua imagem, moldaste-a a teu querer e no final, o resultado foi a perfeição, é isso mesmo a plenitude do bom, do magnífico e, até por vezes, do irreal! Não sei quanto tempo esta história vai durar, não sei quantas páginas do livro vão ser preenchidas, mas uma coisa podes ter a certeza: eu nunca, mas mesmo nunca vou esquecer cada momento passado contigo, e tudo o que é nosso, será sempre apenas nosso. Jamais partilhado com alguém! Tudo vale a pena contigo e, sem a menor dúvida, foste, és e serás para sempre quem momento a momento tira o melhor de mim! Amo-te!

4 comentários:

ana matos. disse...

gostei muito (:
sigo *

joel disse...

Oh meu amoooor, és tão linda, tão fantástica, tão perfeita! Eu amo-te mais a cada dia e nós fazemos de cada dia um dia feliz e um dia de imensa alegria, sem qualquer monotonia o que é tão incrível! Tu és tão especial minha menina e eu sem ti não existo, não sei sorrir. Eu a cada dia acordo e sorrio e és a última coisa que penso antes de dormir e a primeira coisa depois de acordar, tu és uma rapariga perfeita a todos os níveis e tudo o que eu sempre quis, tudo o que eu sempre sonhei, todas as qualidades que eu pensava não existir em nenhuma rapariga afinal existem, em apenas uma e eu encontrei essa rapariga, o meu coração sorriu quando eu olhei para ti e ele disse "Finalmente encontrei a pessoa certa, ao tempo que a procurava" e tudo surgiu na altura certa connosco, connosco tudo é anormal, tudo é especial, tudo é diferente! Nós somos feitos um para o outro e eu nasci para te amar. Tu és tudo para mim e sou o rapaz mais feliz do mundo ao seres a minha namorada! É o maior orgulho! Eu amo-te com tudo o que tenho. EU AMO-TE MESMO, EU AMO-TE COMO NUNCA AMEI NINGUÉM! <3

Ánnyjub's disse...

like

catarina disse...

amei o blog, sigo :)