domingo, 25 de setembro de 2011

Vanessa!

A verdade é que há já muito tempo merecias um espacinho aqui para ti.  13 anos, já viste como passaram? Ainda me lembro como se fosse hoje, o dia em que eu, não conhecendo ninguém da zona, fui ter contigo e te convidei para brincares comigo às loicinhas. E o que é certo, é que uma pergunta que ao inicio na minha e na tua mente parecia banal, e próprio da infância, tornou-se mesmo num retorno das nossas vidas. Como é incrível a forma como me aturas e o que é certo é que, quer nos bons, quer nos maus momentos, tu estás sempre comigo, nunca me abandonas-te, e sabes sempre o que dizer, mesmo quando eu sou muito complicada e chego a amuar por não me defenderes a mim. Não sei bem como consegues, não sei bem qual o segredo, apenas sei que o fazes na perfeição e sabes sempre o que eu estou a pensar, mesmo que por vezes eu nem queira dizer, tu sabes sempre os meus verdadeiros sentimentos. Se queres que te diga, eu por vezes chego mesmo a interiorizar que és a minha irmã de 18 anos. São horas passados contigo, dias tendo-te ao meu lado, noites a conversar e tu a adormeceres e a deixares-me falar para o boneco. E depois há sempre aqueles momentos em que acordas, te sentas numa cadeira e te pões a gravar a minha linda figura a dormir (e como é claro, quando acordo, fico furiosa e apetece-me bater-te) . E as denominadas por ti “figuras tristes”? Pois é, és tu quem sempre as apanha no momento certo e depois faz vídeos que tanto são falados por Gondomar e arredores. Mas tu és muito mais que isto. Tu vais muito mais além. És diferente de todas as pessoas que conheço. Mas diferente para melhor. Não te preocupas com futilidades e eu amo essa tua forma de ser, porque assim podes levar com as minhas sem estares cansada. Sabes sempre como trazer o bom humor para qualquer que seja a conversa. Brincas com tudo e isso é tão mas tão bom. Já deves ter reparado, mas não é só em mim que estás integrada. Tu já és a “amiga da Rute” para toda a minha família. Sim, tu sabes que sim. Em ti confio a 100%. Não duvido nem um segundo da tua seriedade para tudo e sabes que jamais te quero perder, afinal de contas ainda estamos só prestes a completar 14 anos da existência da nossa amizade. És das pessoas mais importantes para mim, das pessoas em quem mais confio tudo, das pessoas que mais me atura, que mais me goza, mas também que mais me elogia, e eu não posso, não quero e não vou por nada abdicar da tua presença eterna na minha vida. Sabes bem o que vales! Sabes bem o valor que tens em mim.
És a minha cara de cu favorita e eu amo-te! 
(final mais lindo de sempre!)

7 comentários:

nalini disse...

Faço especialmente ballet clássico e contemporâneo. Mas também pratico hip hop, danças de salão, tango, valsa (:

nalini disse...

Só o ano passado é que conseguimos ter pares bastantes, porque antes também não havia (:

Su disse...

obrigada princesa *.*

Raquel disse...

ainda bem que concordas. obrigada por seguires.
gostei bastante, sigo.*

nalini disse...

Ballet é no conservatório, o resto sim, é um grupo.

Su disse...

adorei este texto

Daniela disse...

que lindo *o*
escreves tão bem :)